FAZ-TE MEMBRO DESTE BLOG E RECEBE NOTIFICAÇÕES DOS NOVOS POSTS

terça-feira, 25 de agosto de 2020

O baloiço

Acordo e procuro um sentido para o dia num deserto apinhado de coisas magníficas. Faço-me acreditar que sou feliz, apesar do vazio destes frutos que a serpente me entrega. E só posso dizê-lo aqui porque o poema é um segredo para todos, inclusive para mim. Tento esquecer a morte, mas ao lembrar-me a toda a hora de esquecê-la, ela torna-se uma ideia fixa. A vida é um baloiço que vai e vem. Damos balanço com o corpo e a mente, esperando que ele não pare, rezando para que a corda não parta.

Sem comentários :

_