FAZ-TE MEMBRO DESTE BLOG E RECEBE NOTIFICAÇÕES DOS NOVOS POSTS

domingo, 28 de fevereiro de 2016

monte do pilar

do vento vinha o norte
e do rochedo, um país

lá longe
à distância de um lobo
ouviam-se os rios
a dedilhar as serras

o sal fértil corria
discreto
de um buraco virginal

molhado e confuso,
andava ali um pastor
que no buraco se acoitou
e chamou-lhe portugal

Foto de Jorge Couto  no Monte do Pilar - Lanhoso


1 comentário :

Paris Toujours disse...

a foto é mesmo bonita.
gostei do poema, acho que estes lugares despertam em nós sentimentos maravilhosos.

_