FAZ-TE MEMBRO DESTE BLOG E RECEBE NOTIFICAÇÕES DOS NOVOS POSTS

terça-feira, 7 de julho de 2015

Novos navegadores

O casco das naus roçando
a copa dos pinheiros
faz lembrar o índico vento.

Os esquálidos e rotos marinheiros
que descem o tronco do sobreiro,
parecem formigas a caminho
de um caroço de alperce.

A glória e ganância deslizando
na pena dos jograis
são remotas reminiscências de auspícios
saltando de capa em capa
na montra dos jornais.

E mesmo o astrolábio
medindo a medo o firmamento
foi inspirado quiçá
no relógio de cuco
de um pensionista grego.

1 comentário :

Paris Toujours disse...

também bonito, mas a meu gosto prefiro o dos caracóis...

_