FAZ-TE MEMBRO DESTE BLOG E RECEBE NOTIFICAÇÕES DOS NOVOS POSTS

segunda-feira, 19 de janeiro de 2015

Porque sofres ?

Podias ter uma vida normal, sem crises, nem angustias. Saías de manhãzinha para o emprego, depois ias ao ginásio e voltavas para casa. Acendias a televisão, seguias as séries da Fox e a Liga dos Campeões. Ao domingo passeavas de bicicleta pela marginal e comias um gelado com creme por cima e pedacinhos de baunilha. Nas férias, ias para o Algarve e vias o pôr do sol enquanto lias um diário desportivo. Repetias tudo isto até à morte, vezes sem conta. Podias fazer isto tudo, senão  vislumbrasses o lugar da paixão. Mas, amigo, não escolhemos as paixões, nem os limites. Sofres porque acreditas ainda que o  melhor lugar é sempre aquele que está defronte de ti. Sofres porque amas outra coisa que está fora de ti. E se pesares bem estes dois pesos, o sofrimento e o amor, vais ver que valeu e vale a pena.

2 comentários :

Paris Toujours disse...

muito bem!
precisamos de ambas as coisas, da rotina e da paixão desconhecida.
é o nosso ser incontrolável.
para mim, as duas coisas são fundamentais.

Anónimo disse...

Gostei! A rotina é inevitável, para a maioria de todos nós, mas mata-nos se não conseguirmos espreitar e sair dela nem que seja por uns momentos. Com força de vontade consegue-se seguir paixões e conciliar...
Maria Fernanda Pinto

_