FAZ-TE MEMBRO DESTE BLOG E RECEBE NOTIFICAÇÕES DOS NOVOS POSTS

domingo, 5 de julho de 2020

Água

Querida água,
queria pedir-te que matasses a sede da gazela.

Lava-lhe ainda aquelas feridas que não saram.

E  quando partires outra vez para a foz, 
leva contigo o brilho fugaz dos peixes que subiram à montanha.

2 comentários :

CÉU disse...

Um poema-pedido repleto de humanismo e beleza semântica. O vocabulário usado é mto interessante.

Luís Palma Gomes disse...

A gazela é o símbolo(metáfora) do amor para os Árabes.

_